Quinta-feira, 20 de Março de 2008

Aluna bate em Professora por causa de telemóvel...Escola, Professores, Alunos...o estado do ensino

 ...Se calhar os professores têm razão...

Violência na sala de aula

Aluna reagiu mal quando a professora lhe retirou o telemóvel durante uma aula. Não obedeceu às ordens e usou da força. Colega filmou e colocou vídeo no Youtube. Escola já abriu processo de averiguações

 

Investigadora diz que «professores são as novas vítimas do bullying»

 

«É um caso entre tantos outros. Não é a primeira, nem a última vez», comenta Abel Macedo, do Sindicato dos Professores do Norte. O vídeo de violência de uma aluna contra a professora de francês, numa sala de aula da Escola Secundária Carolina Michaelis, no Porto, terá sido filmado por uma das adolescentes do 9ºC e colocado no Youtube a 13 de Março, passando depois a fazer um trajecto próprio de e-mail para e-mail.

O PortugalDiário publica o vídeo, mas com a devida reserva de identidade, descaracterizando a imagem dos menores envolvidos.

Até que chegou ao conhecimento da escola e do próprio Ministério da Educação. A informação foi confirmada ao PortugalDiário. «Tomámos conhecimento do vídeo nesta quinta-feira e ordenámos de imediato um processo de averiguações», referiu fonte oficial da Escola, enquanto a Direcção Regional de Educação do Norte (DREN) assumiu uma postura similar, dizendo ter informado o executivo durante o dia de hoje, aguardando agora pelos resultados do inquérito.

No vídeo é possível ver uma aluna a insistir com a professora para lhe dar o telemóvel, que lhe tinha sido retirado momentos antes. O conflito vai crescendo, com a jovem a insistir no contacto físico com a docente de francês, que não quer devolver o aparelho. Só passado cerca de um minuto é que outros alunos se aproximam, tentando separar as duas pessoas, mas sem resultado. A adolescente acaba por conseguir ficar com o telemóvel, retirando-o à força.

Entretanto, uma mãe preocupada contactou a DREN por e-mail, alertando para a existência deste vídeo, e recebeu como resposta as mesmas palavras proferidas aos jornalistas, mas com um pormenor: «Vamos proceder à retirada do filme do portal YouTube por violação do direito à imagem».

O vídeo original foi, de facto, retirado, mas já está novamente no portal, colocado por outro utilizador.

 

(Se calhar a mãe preocupada era a da "menina" em questão)

sinto-me: Triste com a situação do ensin
publicado por mileumpecados às 19:58
link do post | comentar | favorito
|
6 comentários:
De pedro sousa a 24 de Março de 2008 às 13:27
Para ser respeitado há que dar-se ao respeito.
A utilização de telemóveis nas salas de aula está, e muito bem, interdita.
Se a aluna teimou em infringir esta regra, devia ser sujeita a todos os procedimentos disciplinares possíveis de serem aplicados.
TIRAR (furtar) um objecto de uso pessoal, que pode inclusive conter informação privada, CONSTITUI UMA AGRESSÃO.
A ALUNA, tanto quanto se pode avaliar pelo visionamento do vídeo divulgado no youtube , reagiu em legitima defesa e NÃO AGREDIU a professora.
O aluno que filmou a cena, obviamente sem o consentimento das protagonistas, deveria ser sancionado.
De mileumpecados a 25 de Março de 2008 às 11:33
Olá!

Muito obrigada pelo comentário.
É através da discussão de diferentes opiniões, pensamentos, ideias e formas de estar na vida que se chega à clarividência e equilíbrio das coisas.

Acredito que a professora só tomou a atitude de retirar (com toda a certeza não iria ficar com o dito telemóvel para si) o telemóvel da aluna depois de a advertir para que o desligasse na sala de aula, ou algo do género.
Sem sucesso algum e, a aluna teimosamente tendo continuado a utilizar o dito em plena aula numa clara demonstração (típica da idade em alguns casos) de desafio à autoridade perante os olhares dos colegas.

A partir do momento em que se passa a linha do diálogo e partimos para a violência perdemos qualquer razão que tivéssemos inicialmente.

A aluna só teria, naquele momento, de ter acatado as ordens da professora e, eventualmente, se no fim da aula a mesma não lhe restituísse o telemóvel, fazer queixa à direcção escolar e aos seus Pais.

Em relação ao aluno que filmou (com um outro telemóvel) toda a cena...ao ver-se confrontado com uma tão inusitada situação, quis gravar a mesma para a posteridade. É óbvio que não é todos os dias que um aluno vê um colega seu em tal desafio perante um professor e tendo meios para isso se sinta tentado a gravar para depois mostrar. Nem deve ter imaginado que o seu "home maid film" viesse a ficar tão famoso e a gerar tanta polémica.
No entanto, como o colocou aparentemente sem a autorização das intervenientes só terá é de sofrer as eventuais consequências que daí advirem caso uma delas coloque-lhe um processo em tribunal.

Mas cá para nós...foi ou não importante todos termos acesso a este vídeo para vermos até que ponto o ensino português está desprovido da sua "disciplina" e "autoridade"?!
Acreditando na sabedoria popular: «Ver para crer!»... esperemos que as imagens façam com que muitos coloquem a sua consciência a funcionar, nomeadamente, os governantes, os professores, os pais (infelizmente, muitos deles com a via atribulada do dia-a-dia relegaram a sua autoridade de pais para terceiros), os alunos e nós, aqueles que já fomos alunos, não somos professores, não temos filhos, não somos governantes mas votamos, temos liberdade de expressão e também temos algo a dizer e fazer acerca de tudo isto.

Serve como um alerta para o cidadão comum para o estado das coisas e para que todos nós comecemos a reflectir sobre o que podemos fazer no agora para que o futuro cenas como estas não se repitam!
Foi pelo mesmo essa a minha intenção ao colocar este vídeo no mileumpecados.

Mileumpecados
De Pedro Rodrigues a 25 de Março de 2008 às 17:52
Uma agressão da aluna por falar daquela forma com a professora...pelos vistos a educação que está a ser dada hoje em dia está a transformar as "criancinhas" em autênticos bandos de "idiotas". Depois da "geração rasca" vem ai a "geração mimada".

Querem levar os telemóveis e mp3 para a sala de aula? Porquê? São instrumentos de ensino??? De certeza que não levam os dicionários e livros que deviam levar (podem muito bem ficar nos respectivos cacifos...

A solução passa pela criação de regras muito rígidas na utilização deste tipo de equipamentos nos estabelecimentos de ensino...quem os usa ou exibe em salas de aula devem ser mandados para a rua como acontecia antigamente (faltas de respeito para com os professores e colegas eram assim tratados)...e ao fim de 3 expulsões o aluno reprovava sem apelo nem agrado!!!

Há que impor regras neste mundo!!!
De mileumpecados a 26 de Março de 2008 às 13:36
Olá!!!

Não estava à espera de tanta "irritação" da tua parte mas acredito que advenha da situação em questão.

Tenho a dizer que concordo em género e grau com tudo o que escreves-te! Verdadeiramente, alguém tem que ter "mão" nos miúdos.

Não querendo colocar a responsabilidade só sobre os pais, no entanto, algo me tem vindo a incomodar. Dá-me a sensação que últimamente os pais, talvez devido aos sucessivos divórcios e ficarem longe dos filhos acabam por apaziguar um certo "sentimento de culpa" enchendo as crianças com tudo e mais alguma coisa. Tudo o que eles peçam é dado sem lhes mostrar o valor do trabalho. Para além de que muitos dizem: o meu filho primeiramente é meu amigo.
Pois para mim, o meu Pai e a minha Mãe são meus amigos mas primeiramente são meus PAIS na verdadeira ascensão da palavra. E esse tipo de sentimento tem de estar muito presente, principalmente quando somos pequenos e estamos a fazer o nosso crescimento como individuos.
Amigos são os colegas da escola, os vizinhos, etc...

Mileumpecados

De Pedro Rodrigues a 27 de Março de 2008 às 15:04
Pelos vistos a "atriz" e o "realizador" deste video vão armar estas cenas para outro palco ;)

Agora resta só saber a quem é que calhor a "fava" :P
De mileumpecados a 27 de Março de 2008 às 20:52
E que "ricas" favas...

Por mim iam todos fazer serviço comunitário.
Ajudavam outras pessoas, viam e sentiam outras experiências de vida e talvez assim aprendem-se realmente alguma coisa.

Básicamente ao transferir a "protagonista" desta história para outra escola, não só estão a ir pelo caminho mais fácil, como também a passar o "xuxu" a outros!

Mileumpecados

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Fevereiro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

.posts recentes

. St. Valentine's... O AMOR...

. A "INÚTIL" (PROFESSORA) e...

. Memórias ...

. Bolo 3D "Faísca MCQUEEN"....

. Violeta e o seu ursinho d...

. "I'm free and wild"...mot...

. Presentes bem docinhos......

. OVELHA CHONÉ ...bolo 3D

. ARROZ DOCE, eterna tradiç...

. O COMANDO É MEU...bolo 3D

.arquivos

. Fevereiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Outubro 2008

. Agosto 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

.tags

. todas as tags

.links

.Google Analytics

.Clicky

Clicky Web Analytics

.Chicklet Chooser

Add to Google Reader or Homepage

.woopra

blogs SAPO

.subscrever feeds